Não foi tarefa fácil, mas felizmente, com empenho e persistência, vamos mesmo fazer uma zona de estacionamento no Refugo. O desaterro segue, a bom ritmo.